domingo, 24 de julho de 2016

Pãezinhos recheados com chouriço

Esta é uma receita já antiga no blogue e que resolvi ir resgatar ,pois estes pãezinhos são deliciosos e fazem-se rapidamente. São ótimos para um piquenique ,lanche ou para levar para a praia, por exemplo, pois já estão recheados. A receita é de uma revista Bimby.

























Recheio:

100 gr de chouriço
1 cebola pequena
2 dentes de alho
sal, pimenta e colorau q.b ( cuidado que o chouriço já é temperado)
azeite q.b.

Colocar todos os ingredientes na Bimby ( exceto o azeite) e triturar com o turbo. Adicionar o azeite e programar 5 minutos, temperatura 100º, velocidade 2. Reservar.

Massa:

200 gr de leite
80 gr de creme vegetal líquido ( usei Vaqueiro)
5 gr de fermento de padeiro
1 colher de chá de açúcar
1 colher de chá de sal
400 gr de farinha

Colocar no copo os ingredientes e programar 3 minutos, velocidade espiga. Deixar levedar.

Retirar pequenas porções de massa, estender com os dedos e rechear cada pedaço com um pouco do recheio de chouriço. Fazer uma bola que tape o recheio e colocar os pãezinhos num tabuleiro forrado com papel vegetal. Deixar levedar de novo durante 30 minutos. Pincelar com gema de ovo e polvilhar com sementes de sésamo ( facultativo).

Levar ao forno pré aquecido a 200º. Depois de colocar os pãezinhos no forno, reduzir para 180º. Cozer durante 15 minutos ou até que estejam dourados ( depende dos fornos).



























Espero que gostem.


sexta-feira, 22 de julho de 2016

Mais pinturas...

Agora que a consciência ambiental nos manda reaproveitar e reutilizar, resolvi pintar uns ecobags. São muito fáceis de transportar na mala e estão sempre à mão ,quando precisamos de arrumar as compras.

Pintei este com motivo de flores para oferecer à minha mãe, já que ela adora flores.


Este com gatinhos ( pintura country) , para mim, pois adoro estes simpáticos animais.


Aqui resolvi brincar com as cores e pintar uma mandala.


Uma fralda para bebé que serve tanto para menina como para menino. A mãe ainda não sabia o sexo.
Socorri-me,mais uma vez da minha mãe, que fez o remate em croché. Confesso que sou mais virada para o tricô.


E ainda na onda da reutilização, aproveitei esta embalagem de detergente para a roupa que depois de forrada vai servir para guardar as agulhas de tricô ou outro material de que necessite.


Espero que gostem.

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Mantinha Log Cabin com PAP

Fiz esta mantinha para um bebé. Escolhi estas cores,mas podem ser feitas a gosto. Recordo que fiz uma há uns tempos para oferecer à minha mãe. Podem vê-la aqui. Como acho que faz um efeito muito bonito e é bem fácil de se fazer ( embora pareça muito complicada), deixo aqui o passo a passo para quem quiser fazer.



              ( Peço desculpa pela fraca qualidade das fotos,mas isto de tirar fotos com canadianas não é tarefa fácil)


1º- Começar com 20 pontos e tricotar 40 carreiras ( 20 cordões) em tricô. Rematar.


2º- Levantar 20 pontos e tecer ( sempre em liga / tricô) 20 carreiras ( 10 cordões) numa outra cor. Rematar.



3º- Levantar 30 pontos ( os 10 brancos+ os 20 verdes) e tecer 10 carreiras .Rematar.


4º- É sempre assim até ao tamanho que se quiser. Como era para bebé fiz 23 tiras.
 Ficou com 75cm x 75cm




Aqui podem ver o avesso.


Esta ,que fiz para a mina mãe, foi com quadrados de 9 tiras que depois uni uns aos outros.


Podem ver o vídeo explicativo aqui. Está em inglês,mas dá para perceber perfeitamente.

https://www.youtube.com/watch?v=IeAFAuqTkl4

Espero que gostem.

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Saco de praia pintado

Comprei um fato de banho e como atingi um determinado valor,  ofereceram-me um saco de praia. No entanto achei-o insípido, sem graça e decidi pintá-lo. Queria alguma coisa alegre e que lembrasse o verão. Pesquisei algumas imagens na Net e apaixonei-me pelas bonecas Lorelie .  Há muitas por onde escolher. Só alterei as cores.



O saco era assim:




Na parte de trás do saco pintei também uns sapatos da mesma coleção das bonecas, extravagantes tal como elas.


Acho que ficou bem engraçado. Que me dizem, amigas? Ainda não foi estreado ,mas quando eu ficar melhor vai sê-lo, numa praia com ótimos acessos, de preferência ( eheh).

sábado, 9 de julho de 2016

Motivo da pausa forçada

Queridas amigas, seguidores e visitantes. Tenho andada afastada quer do blogue ,quer dos cantinhos que sempre gosto de visitar. O motivo, como muitas que têm Facebook já sabem, deveu-se a um acidente no último domingo, dia três.



O verão aqui em S. Miguel não tem sido bom. Ora chove, ora faz nevoeiro que impede aviões de aterrarem e levantarem,ora faz frio. No domingo passado fiz a minha estreia na praia. Fomos ( eu e o meu marido) a uma praia de que gostamos muito, por ser mais isolada, pouco visitada e , por isso, mais calma.

                                     (A praia, bastante suja,mas com uma baía excelente )

Acontece que com o inverno os acessos ficaram destruídos como podem ver.




Já na volta, pus mal o pé numa rocha que não estava segura e parti o tornozelo.


                           ( O tornozelo antes de ir ao hospital onde diagnosticaram a fractura)

Conclusão : fiquei logo internada no domingo e fui operada na quarta-feira. Tive alta ontem.

Agora tenho de estar em repouso durante 4 longas semanas. Nunca pensei que um pé pudesse fazer tanta falta. Valem-me as ajudas preciosas do meu marido e da minha mãe que se mudou cá para casa para me poder auxiliar.

O blogue vai entrar,assim, em modo "pausa forçada", pelo menos no que diz respeito à culinária. Irei mostrando outros trabalhos em tricô e pintura que entretanto fiz.Aos poucos irei também visitar os blogues das amigas que sempre simpaticamente aqui deixam um comentário carinhoso.

Até já.

domingo, 3 de julho de 2016

Torta Floresta Negra

O bolo Black Forest é um famoso clássico da cozinha alemã . Com o nome original de Schwarzwalder Kirchtorte ( êta linguazinha complicada) que significa " bolo de cereja floresta negra" é perfeito para celebrar um dos frutos mais deliciosos do verão: as cerejas.

É este o tema para a sexta edição do projeto " Sweet World" criado pelas amigas Lia e Susana, respetivamente dos blogues " Lemon and Vanilla" e "Basta Cheio".

É um bolo com uma massa parecida com pão de ló de chocolate que é depois humedecida com licor   ( Kirsch), recheado com chantili e cerejas. Não é pois, apropriado para crianças, a não ser que não se use o licor, claro.

A utilização do chocolate, o chantili, o licor e as cerejas originam uma fórmula quase mágica que faz sucesso em todo o mundo e se traduz num dos bolos mais conceituados de sempre.

Eu resolvi fazer o bolo em forma de torta, se bem que respeitando a massa tipo pão de ló. Depois de várias pesquisas ( e há mesmo imensas receitas / variantes deste bolo, até em forma de cupcakes) saiu esta torta , fácil de se fazer , tal como eu gosto.



Receita da torta (  baseada nesta daqui):

6 ovos, claras separadas
6 colheres de sopa de açúcar ( 130 gr)
1/2 chávena de farinha
1/2 chávena de chocolate em pó
1/2 colher de chá de fermento


Batem-se as gemas com o açúcar até formar um creme fofo e esbranquiçado. ( Na Bimby são 3 minutos, temperatura 37º, velocidade 4,5).

Peneira-se a farinha com o chocolate e o fermento e adiciona-se delicadamente à massa.

Batem-se as claras em castelo com uma pitada de sal e envolvem-se na massa anterior.

Unta-se um tabuleiro com manteiga e forra-se com papel vegetal (30 x 40 cm).

Vai ao forno pré aquecido a 180º durante 15 minutos.

Desenforma-se num pano polvilhado com bastante açúcar em pó. Enrola-se  e deixa-se arrefecer completamente.


Faça o recheio:

1 embalagem de ricota
4 colheres de sopa de açúcar em pó

Bata e reserve no frigorífico enquanto a torta arrefece.

1 chávena de cerejas sem caroço e grosseiramente picadas ( cerca de 200 gr)
1 cálice de Kirsch ( usei licor de nêspera caseiro)
1 colher de sopa de açúcar em pó

Deixam-se a macerar.


Para  decoração:

1 pacote de natas ( 200 ml)
1 colher de sopa de açúcar em pó
Batem-se em chantili.
raspas de chocolate e cerejas q. b.

Para a montagem:

Desenrole o pão de ló. Cubra com uma camada de doce de cereja . Espalhe o recheio de ricota e depois as cerejas. Enrole pela parte mais larga. Corte as pontas, decore com chantili, raspas de chocolate e cerejas e passe para o prato de servir.

Guarde no frigorífico.
















































Espero que gostem.


quinta-feira, 30 de junho de 2016

Bolachas saudáveis de chocolate e chia

Estas bolachinhas são perfeitas para um "snack" a meio da tarde. Satisfazem qualquer desejo que se tenha de chocolate ,mas deixam-nos cheios de energia, pois são feitas com bons ingredientes. Quem o diz é Ella Woodward, a food blogger britânica sobre a qual já falei aqui. É a proposta do grupo do  Facebook " Um mês com..."
A verdade é que fiquei fã destas bolachinhas crocantes graças aos frutos secos e às sementes de chia.
































Ingredientes:

1 chávena de amêndoas com pele
1 chávena de avelãs
1 chávena de trigo sarraceno ( usei flocos de aveia)
1/3 de chávena de maple syrup ( usei mel)
1/4 de chávena de tâmaras
1/4 de chávena de água
3 colheres de sopa de cacau ( usei 2 e penso que foram mais do que suficiente)
3 colheres de sopa de sementes de chia
2 colheres de sopa de óleo de coco



Modo de fazer

Colocar as amêndoas e as avelãs no processador e pulsar durante um ou dois minutos até que se forme uma farinha. Acrescente os restantes ingredientes e bata até formar uma massa pegajosa e moldável.

Com uma colher ( usei a de gelados) retire porções e faça uma bola. Achate esta bola entre as mãos     ( vejam o vídeo explicativo da Ella). Coloque as bolachas num tabuleiro forrado com papel vegetal e leve ao forno a 180º durante 20 minutos , até que  fiquem ligeiramente douradas.

( https://pt.pinterest.com/pin/222154194098169240/ )


Deixe arrefecer e desfrute.



















































Espero que gostem.